Não interessa aos libertários saber quantos são, pois nas suas hostes não se recrutam agentes do poder e muito menos se atribuem números aos militantes. (carlos fonseca)

"Sou um bug ou dois na minha vida". (lena berardo)

segunda-feira, 18 de julho de 2011

Acerca da série Spartacus


Eu - Nuno essa série além de violenta tem muitas cenas de sexo.
Nuno - Não é sexo mãe. Eles dizem que são cenas corpo a corpo ou então cenas do tipo "quero sentir-te dentro de mim".
Eu - O que é que disseste?
Nuno - Isto é o que os anúncios dizem. Estas são as conversas que eu, o Ricardo e o Nelson costumamos ter quando vamos a pé para casa dos avós, para ir para a piscina.

Acho que não preciso dizer mais.

12 comentários:

Fragoso disse...

lol xD

joaninha versus escaravelho disse...

Ainda te lembras de ter 14 anos? :)

Fragoso disse...

Sim... Não havia tv cabo, andava de bicicleta xD

joaninha versus escaravelho disse...

Hmmm... E que conversas tinhas com os teus amigos enquanto andavam de bicicleta?

Fragoso disse...

ahahah pois... :D

joaninha versus escaravelho disse...

:) Agora imagina-te a partilhar essas conversas com a tua mãe... ahahahah
Eu fiquei sem palavras. :)

olinda silva disse...

Ó Deuses...o que me espera. O meu ainda só vai nas cenas do homem aranha, o que para mim já é alguma violência...ai,ai :-/

joaninha versus escaravelho disse...

Este meu filho tem umas histórias engraçadas. :)
Então as que envolvem sexo... ahahah
Aproveita bem o teu. :)
Beijinhos

olinda silva disse...

:-) Lena, o meu acha que o chá que eu compro é que são as sementes para fazer bebés :-))

joaninha versus escaravelho disse...

Ahah... Aquelas sementes que se metem no umbigo e que fazem a barriga crescer com um bébé. Foi assim que contei à Inês. :D
Alimenta essas histórias enquanto podes. :)

Hugo Nofx disse...

ahahahah! Todos estes diálogos são muito divertidos. Vocês andam a preparar alguma peça de teatro meio louca?
beijos.

joaninha versus escaravelho disse...

Não. A minha vida é mesmo meio louca... ahahahha
O meu filho tem um humor muito especial... :) Sai à mãe! ahahahah