Não interessa aos libertários saber quantos são, pois nas suas hostes não se recrutam agentes do poder e muito menos se atribuem números aos militantes. (carlos fonseca)

"Sou um bug ou dois na minha vida". (lena berardo)

sábado, 23 de janeiro de 2010

Vou dormir até não poder mais


Sim, ainda estou viva, mas só porque mergulhei na banheira.
Mas não tenham pena... Ontem ainda estive a ver o Dragon Ball e o Naruto e hoje fui à Feira de velharias na Praça Velha.
:)

2 comentários:

Luis Bento disse...

Viva e para as curvas! Li hoje o que não tenho feito nos últimos tempos. Adoro essa ironia fina, os posts desconcertantes e o grafismo continua um must. Gostei da análise ao stress das sardinhas, da ironia com que brincou com a morte do computador, da paisagem vista da sua janela e de ficar a saber que é anarca. Gosto deste ar solto e descontraído sem pressões nem politicamente correcto.

joaninha versus escaravelho disse...

A vida é para ser vivida o melhor que podemos e principalmente o melhor que sabemos.
É sempre um prazer ter notícias suas.
Também vou ao seu blog, como sabe, e se não tenho dito nada é por manifesta falta de tempo.
Boas escritas, Luís! :)