Não interessa aos libertários saber quantos são, pois nas suas hostes não se recrutam agentes do poder e muito menos se atribuem números aos militantes. (carlos fonseca)

"Sou um bug ou dois na minha vida". (lena berardo)

segunda-feira, 29 de dezembro de 2008

Dicionário do post de hoje à tarde


Os brindes das gajas

Amarelinha - Aguardente horrível, de cor amarela, feita em circunstâncias duvidosas, armazenada em garrafas sem rótulo no restaurante "O Rolando", onde o pessoal teima, invariavelmente, em fazer o jantar anual de comemoração do Natal, de há uns anos a esta parte. Deixa uns efeitos secundários persistentes a mais de um dia.
Tem que se beber de repente, tipo shot.
Por norma há sempre alguém que dá "tilt" ao fim de beber umas quantas.
Este ano não fui eu, mas poderia ter sido ou ser qualquer um dos elementos que participou no referido jantar.

Jantar anual de comemoração do Natal - Jantar realizado uma vez por ano antes ou depois do Natal, conforme dá mais jeito ao pessoal.
Há sempre a tradicional troca de prendas e muitos brindes com "Amarelinha", que já expliquei o que é.
Realiza-se já há alguns anos, não sei muito bem quantos.
Costuma terminar com uma caminhada a pé, pelo frio da serra para acalmar os risos e as hostes ou então fica-se dentro do carro a rir porque não se consegue fazer mais nada. Já me aconteceu...
No entanto, por vezes, esse passeio a pé, não se revela muito frutífero.
Os resistentes, que bebem mais vinho e menos Amarelinha, ainda vão à discoteca.
Nunca lá cheguei :)

P.S. Este ano eramos 30 e um, contando com o dono do restaurante.

2 comentários:

technology disse...

A friend told me this place I have been looking for, I come, it turned out, I have not disappointed, good Blog!
runescape money

joaninha versus escaravelho disse...

Tks :)