Não interessa aos libertários saber quantos são, pois nas suas hostes não se recrutam agentes do poder e muito menos se atribuem números aos militantes. (carlos fonseca)

"Sou um bug ou dois na minha vida". (lena berardo)

quinta-feira, 8 de julho de 2010

Mundo machista

Numa resposta a um comentário, num outro blog, que me foi dirigido, o comentário não o blog, coloquei um link para uma prancha de BD com cenas que se podem considerar pornográficas. Claro que estava tudo dentro do contexto da discussão que se tem vindo a fazer, há uns dias, tanto no meu blog, como no outro e até passou para o facebook.
Fala-se de amizade entre homens e mulheres. Os homens dizem que não isso não existe. As mulheres dizem que sim. Que têm amigos homens.
Bem... Apagaram-me o comentário.
De seguida fiz o mesmo comentário mas referi o local de onde vinha a tal prancha de BD. Como era de um blog de um outro homem, o meu comentário já teve direito a continuar publicado. Resumindo:
vindo de uma mulher é porco e mal educado, mas vindo de uma mulher com as costas protegidas por um homem, já é aceitável.
Aliás até me disseram assim: ""Fica educada. É tudo o que peço."
Fui confundida com um cão. Ou uma cadela... Só pode!... :/

Post Scriptum: Agora apagaram os meus comentários novamente. :)
Anda ali um ET... Só pode!... :/

4 comentários:

LN disse...

Claro que pode. Ou é amigo ou é conhecido. Os contornos de «amigo» entre sexos opostos/que se atraem é que toma outras linhas, mais profundas. E assim é que está bem.

joaninha versus escaravelho disse...

Finalmente estamos de acordo. :)

LN disse...

Não sei se estamos... entendeste «linhas profundas» como o quê?

joaninha versus escaravelho disse...

Vais ficar na angústia da dúvida, porque eu decidi não discutir mais este assunto no meio cibernético. :)